Entretenimento

Atraso prejudica Harmonia, mas show faz história

Foto: Divulgação

Apresentação demorou a começar, mas quando rolou, Harmonia e Armandinho se juntaram e produziram grande momento

Publicado em 19/01/2013, às 15h55    Foto: Divulgação    Lucas Esteves (Twitter: @lucasesteves)


Fechando a noite do Festival de Verão nesta sexta-feira (18), o Harmonia do Samba teve o inicio do show prejudicado por conta da demora na transição dos instrumentos e teve de ver boa parte do público debandar por conta do horário e da chuva que começou a cair. Mesmo assim, a trupe comandada por Xanddy não desanimou e prometeu show até o amanhecer. E, mais do que isso, pôde também fazer historia nos 15 anos do evento.
Após o início fenético, Xanddy rendeu uma série de homenagens e chamou ao palco o deus da guitarra baiana, Armandinho Macedo. “Ele faz parte de tudo isso. Ele é o filho do pai da criança, mas não dá pra dizer que ele também não é o pai da criança. E o Carnaval desse ano foi feito exatamente para homenagear este instrumento que nos embalou tantas vezes”, discursou o cantor.
Na entrada, Armandinho mandou o tradicional “Bolero de Ravel” que sempre o acompanha em suas jams com as bandas da cidade, fora dela e do país. Então, o guitar hero improvisou bastante, conversou com Xandy usando as cordas e entrou com o Harmonia em “Mandei meu Cavaco Chorar”, em uma mistura quase insólita da habilidade e expressão do músico com o suingue pesado do pagode. Pra quem viu, histórico e inesquecível. Valeu a pena esperar até tão tarde.
Outro ponto alto do show foi a execução de “Quebrou a Cara”. O sucesso recente do Harmonia – que também circula em uma influente versão do cantor de Arrocha Silvano Salles – arrebatou a multidão com sua letra que falava de um amor perdido. Inicialmente, a banda puxou o sucesso no ritmo do cantor apaixonado, mas afinal retornou ao pagode romântico e conseguiu que os fãs, escandalosos, berrassem a letra com emoção até o fim. “Assim vocês me matam. Tenho que me segurar senão eu me jogo nesse povo. Ê Bahia boa!”, comemorou o cantor.

*Matéria publicada originalmente às 05h12 do dia 19/01.

Classificação Indicativa: Livre