Entretenimento

Ex-sogra afirma que procurador de Edilson fez ameaças de morte

Reprodução

Eduardo Pereira garantiu que irá processar Graça Solon

Publicado em 09/04/2013, às 09h21    Reprodução    Juliana Costa (Twitter: @julianafrcosta)

E o caso envolvendo o ex-jogador Edilson Ferreira e a ex-esposa Ivana Solon continua dando o que falar. Nesta segunda-feira (8), a ex-sogra do “Capetinha”, Graça Solon, concedeu entrevista a Zé Eduardo, no programa Se Liga Bocão, da TV Itapoan. Mais uma vez, Graça garantiu que a filha foi ameaçada pelo procurador do ex-jogador, Eduardo Pereira.

Em conversa com a reportagem do Bocão News, ela ainda reforça que Eduardo está “influenciando Edilson a agir de forma agressiva”, e contou detalhes da suposta invasão à casa do ex-jogador, localizada no Condomínio Paraíso, em Guarajuba, pela ex-companheira dele. “Minha filha não invadiu a casa, pois a residência é dela também. Naquele dia, a diarista nos ligou informando que o Eduardo estava na frente da casa com dois homens dizendo que iria prender a diarista. Ivana foi até lá, entrou pela porta dos fundos, e não pulou a janela como ele disse. Eles começaram a discutir e Eduardo até empurrou minha filha”.

O procurador já havia contado ao Bocão News, que ao chegar à casa, duas empregadas limpavam a residência e dois policiais militares estavam no local, quando Ivana teria pulado a janela, depois de ter trocado as fechaduras, descumprindo a determinação judicial. Desta vez, Eduardo enviou uma nota de esclarecimento à redação. Confira na íntegra:

“Prezados, assistindo o estupefação e reputa a minha imagem ser publicamente de forma negativa conspurcada neste brioso programa televisões sensacionalista e democrático , venho por meio deste solicitar o meu direito de resposta , solicitando ainda desta emissora copia da fita deste episódio que macula minha imagem diante da sociedade, vejo tamanho a desespero Ssa piedosa pessoa Maria das Graças maturino SOLON, que deixo agora claro que minha acao pelos danos morais a me caucionados, e torno a Tá redacao que nao agir nada mais nem a menos que. No rito da lei quando na minha posição de procurador defendia juntamente com os advogados os direitos do Sr. Edilson, pois sou procurador legal do mesmo nunca ameacei a pessoa dela a qual entrou com uma queixa na DEPON contra mim e Edilson , ressalvo que mensagem foi enviada por engana mais nao pela minha pessoa e sim pelo sr Edilson, o qual entrara em contato para explicar o ocorrido e engano do email, pra dai esta fulana me desmoralizar em rede publica, tomarei todas as medidas cabíveis e legais, peco a compreensão da emissora. Quanto a intimação da DEPOM formulada por Ivana a mim e Edilson eu estava no rio de janeiro com Nicole bahls tenho prova e testumunha que nao estava em Salvador tava no rio e fui surpreendido e fiquei surpreso com a intimação porque nunca ameacei ninguém,...e vou processar ela por constrangimento,difamação e calunia quando ele sugere a opção sexual a discriminação a minha pessoas além da própria ameaça feita ao vivo no final da matéria quando ela diz ** Ele vai me pagar de uma forma ou de outra **

Relembre o caso

No último dia 28 de março, por volta das 15h, enquanto o empresário estava em seu estúdio escolhendo o novo vocalista do grupo de pagode Oz Bambaz, a casa de Edilson, em Guarajuba, era invadida pela ex-companheira dele. De acordo com Eduardo Pereira, essa é a segunda vez que Ivana descumpre uma ordem judicial. "Pela segunda vez ela (Ivana) faz isso. Eu estava no estúdio com Edilson quando a gente recebeu uma ligação da administração do condomínio, informando que Ivana tinha invadido a casa", disse ao Bocão News. Ainda segundo Eduardo, Ivana alugava os imóveis do ex-jogador sem autorização.

Já no início do ano, Ivana promoveu um processo judicial ao ex-jogador referente a empresa ED DEZ Produções Artísticas Ltda, por ter descumprido um acordo celebrado na Justiça, em 2011, que concedia a Timbalada até 2014, a vaga de primeiro bloco a desfilar no circuito Dodô, na segunda e terça-feira de carnaval. Relembra-se que o bloco da cantora Claudia Leitte, que teria comprado o espaço, conseguiu desfilar normalmente.

Nota originalmente postada às 19h do dia 8

Classificação Indicativa: Livre