Esporte

Com time quase todo reserva, Bahia não sai do zero com Luverdense

[Com time quase todo reserva, Bahia não sai do zero com Luverdense]
12 de Maio de 2015 às 23:55 Por: Redação Galáticos Online (Twitter: @galaticosonline)
O Bahia começou o jogo com apenas três titulares e terminou com quatro. Mas, o “mistão” Tricolor não levou nem marcou gols na noite desta terça-feira (12). O resultado foi um 0 a 0 amargo com o Luverdense, fora de casa, pela rodada de ida da 2ª fase da Copa do Brasil.
 
Sem conseguir eliminar o jogo de volta, o Esquadrão voltará a enfrentar o time mato-grossense no dia 20 de maio, na Arena Fonte Nova. O time baiano precisará de um simples triunfo para avançar na competição.
 
Um novo empate sem gols levará a decisão para os pênaltis. Já qualquer empate com gols dará a vaga ao adversário.
 
Porém, antes, os comandados de Sérgio Soares voltam suas atenções para a Série B do Brasileirão. Na próxima sexta-feira (15), o Bahia recebe o Mogi Mirim em Pituaçu, com portões fechados.
 
O JOGO
 
A primeira boa chance da partida foi do Bahia. Aos dois minutos, Willians Santana tabelou com Rômulo e saiu na cara do gol. O atacante tentou o chute, mas parou na bela defesa de Edson.
 
Os donos da casa responderam aos cinco. Após bate-rebate na área, Diego Rosa ficou livre, mas foi travado por Robson na hora do chute.
 
Aos 17 minutos, a estrela do goleiro do Luverdense brilhou mais uma vez. Zé Roberto invadiu a área pela esquerda e chutou forte, para mais uma grande defesa de Edson.
 
Já a única defesa difícil de Omar no primeiro tempo foi aos 46 minutos. Michel recebeu bola livre na área, chutou forte, mas o arqueiro Tricolor fez boa defesa para evitar.
 
Na volta para o segundo tempo, Willians Santana, que havia perdido muitos gols, deu lugar a Jeam. Mas, que assustou primeiro foi Zé Roberto. De longe, o atacante arriscou o chute, mas Edson novamente salvou o time mato-grossense.
 
O Luverdense respondeu logo em seguida, mas desperdiçou a melhor chance do jogo. Após saída de gol ruim de Omar, a bola sobrou para Diego Rosa. Livre e sem goleiro, o meia cabeceou para fora.
 
Aos 15 minutos, Sérgio Soares fez mais uma mudança. Mateus saiu para a entrada de Tiago Real. Já aos 38, Rômulo deu lugar a Éder, mas o jogo continuou ruim de se ver e não saiu do 0 a 0.
 
Luverdense-MT 0 x 0 Bahia
Copa do Brasil - 2ª Fase (ida)
 
Local: Passo da Ema, em Lucas do Rio Verde (MT)
Data/Horário: 12/05/2015, às 21h50
Arbitragem: Vinicius Furlan (SP) e os assistentes Alberto Poletto e Vitor Carmona
Cartões amarelos: Raul Prata (LUV)
 
Luverdense
Edson Kölln; Raul Prata, Montoya, Walace e Paulinho (Raphinha); Ticão, Michel Schmöller, Osman, Da Matta (Deyvid Sacconi) e Diego Rosa; Ciro. Técnico: Júnior Rocha.
 
Bahia
Omar; Yuri, Robson, Thales e Patric; Feijão, Bruno Paulista, Mateus (Tiago Real) e Rômulo (Éder); Zé Roberto e Willians Santana (Jeam). Técnico: Sérgio Soares.
 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar