Esporte

Dívida com o Boca Juniors impossibilita o Vitória de registrar novos jogadores até 2023

Maurícia da Matta / EC Vitória / Divulgação

O somatório das parcelas atrasadas está em 180 mil dólares, cerca de R$ 1 milhão na cotação atual

Publicado em 25/11/2021, às 11h53    Maurícia da Matta / EC Vitória / Divulgação    Redação BNews

O Vitória está impedido de registrar novos jogadores por três janelas de transferência até 2023. O clube já teria sido notificado pela Fifa há cerca de dois meses e, desde então, está com restrições no sistema da entidade de futebol.

Segundo o GE, a punição se deve a uma dívida com o Boca Juniors pela contratação do atacante Walter Bou. O somatório das parcelas atrasadas está em 180 mil dólares, cerca de R$ 1 milhão na cotação atual. 

Caso o Vitória efetue o pagamento, poderá ser liberado pela Fifa para voltar a registrar novos jogadores. Contudo, não há perspectiva para que isso aconteça.

A direção do time baiano teria optado por focar as atenções na reta final da Série B e deixar para resolver o problema com a Fifa somente depois do término da competição, pois já contaria com uma definição sobre o seu futuro em 2022.

O jogador Walter Bou entrou para o Vitória como empréstimo em 2017, quando o time era gerido por Ricardo David. Dois anos depois, o clube foi notificado pela primeira vez sobre o caso, durante a gestão de Paulo Carneiro. Na época, a dívida foi renegociada com o clube argentina para evitar uma punição.

Como não houve o pagamento das parcelas renegociadas, o Boca Juniors acionou novamente o Vitória na Justiça em 2021.

Leia também: 

Classificação Indicativa: Livre