Esporte

Brasileiro Glover Teixeira vence Rampage Jackson e segue no UFC

Imagem Brasileiro Glover Teixeira vence Rampage Jackson e segue no UFC

Na categoria meio-pesado, o mineiro perdeu a luta por decisão unânime dos árbitros

Publicado em 27/01/2013, às 16h26        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Glover Teixeira deu um passo importante na categoria meio-pesado ao vencer, na madrugada deste domingo (27), o norte-americano Quinton Rampage Jackson, no UFC on Fox 6, realizado em Chicago (EUA).

O brasileiro não deu chances ao adversário e venceu por decisão unânime dos árbitros (30 a 27, 30 a 27 e 29 a 28). Glover dominou o combate do inicio ao fim e derrubou o rival até com certa facilidade, mas sempre permitiu que ele se levantasse.

O mineiro da cidade de Sobrália poderia ter terminado a luta no ground and pound, mas Jackson resistiu bravamente. Triste fim de Rampage Jackson no UFC. A lenda do MMA apenas procurou o soco certeiro para nocautear o brasileiro, e acabou sendo dominado nos três rounds.

Com a vitória, Glover sobe algumas posições na categoria e já começa a sonhar com um duelo pelo cinturão com o campeão Jon Jones. Talvez mais uma vitória na organização credencie o mineiro ao sonhado title shot.
Essa foi a terceira vitória do brasileiro no UFC em três lutas. Ele já havia batido Kyle Kingsbury e Fabio Maldonado.

Demetrious Johnson vence Dodson e continua com cinturão

No evento principal da noite, Demetrious Johnson venceu John Dodson por decisão unânime (48-47, 49-46 e 48-47) e continua com o cinturão dos moscas. Após cinco rounds, “Mighty Mouse” terminou a luta com mais gás e acertando golpes contundentes, mas quase foi nocauteado por Dodson nos primeiros dois assaltos.

“Eu fui acertado mesmo, mas isso acontece, estou bem”, disse o campeão logo após o fim do combate. Foi a primeira defesa de cinturão de Johnson na recém-criada categoria dos peso-moscas.

Brasileiro Rafael ‘Sapo’ finaliza norte-americano

Entre os médios, Rafael “Sapo” Natal bateu o estreante Sean Spencer com um katagatame no terceiro round. O brasileiro fez valer a maior envergadura, já que o norte-americano compete entre os meio-médios e aceitou a luta em cima da hora como substituto do sueco Magnus Cedenblad. Rafael, de 30 anos, se recupera no UFC após derrota para Andrew Craig.

Confira resultados do UFC on Fox 6:

Card principal

Demetrious Johnson venceu John Dodson por decisão unânime dos jurados
Glover Teixeira venceu Rampage Jackson por decisão unânime dos jurados
Anthony Pettis venceu Donald Cerrone por nocaute
Ricardo Lamas venceu Erik Koch por nocaute técnico

Card preliminar

TJ Grant venceu Matt Wiman por nocaute
Clay Guida venceu Hatsu Hioki por decisão dividida dos juízes
Pascal Krauss venceu Mike Stumpf por decisão unânime dos juízes
Ryan Bader venceu Vladimir Matyushenko por finalização
Shawn Jordan venceu Mike Russow por nocaute técnico
Rafael “Sapo” Natal venceu Sean Spencer por finalização
David Mitchell venceu Simeon Thoresen por decisão unânime dos juízes


Classificação Indicativa: Livre