Esporte

Após expulsão polêmica, Atlético-MG acusa árbitro de mentir na súmula; entenda

Pedro Souza/Atlético-MG
Atlético usou suas redes sociais para poder criticar a arbitragem  |   Bnews - Divulgação Pedro Souza/Atlético-MG
Luiz Guilherme

por Luiz Guilherme

[email protected]

Publicado em 18/06/2024, às 15h13



Além do atacante Hulk, expulso na partida diante do Palmeiras na noite da última segunda-feira (17), o Atlético-MG também não poupou críticas para arbitragem de Rodrigo José Pereira de Lima.

O clube mineiro alega que os relatos presentes na súmula sobre a expulsão de Hulk não condizem com os fatos.

Inscreva-se no canal do BNews no WhatsApp!

Na súmula da partida, o árbitro explicou a expulsão do camisa sete. Após cair ao disputar bola com outros fois jogadores do Palmeiras, Hulk se levanta para reclamar e recebe o primeiro amarelo.

Além disso, ele segue falando com o árbitro e leva o segundo amarelo, sendo expulso. O árbitro ainda destaca que o atacante não proferiu nenhum ofensa. No entanto ele cita que "o mesmo partiu em sua direção de forma acintosa, ficando face a faxe e gritando de forma respeitosa".

Em suas redes socias, o Galo republicou a dublagem do ator Gustavo Machado para usar contra a decisão do árbitro. No post, o Atlético ainda comparou Rodrigo ao ex-árbitro José Roberto Wright, que foi responsável por expulsar cinco jogadores atleticanos na partida contra o Flamengo, na Libertadores de 1981.

Confira o post do Atlético

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp