Esporte

Após gol e expulsão, Guto Ferreira sai em defesa de Douglas Borel

Felipe Oliveira/EC Bahia

O treinador também elogiou o sistema defensivo da equipe, que teve grande atuação e segurou os ataques do Timbu

Publicado em 16/04/2022, às 10h53    Felipe Oliveira/EC Bahia    Redação Galáticos Online

Douglas Borel foi o herói do triunfo do Bahia sobre o Náutico, mas também poderia ter sido o vilão de um empate ou até derrota. Autor do único gol da partida na noited a última sexta-feira (15), o lateral-direito esqueceu que já possuía cartão amarelo e tirou a camisa para comemorar o gol. Resultado, ele foi expulso pelo árbitro e deixou o Tricolor com um homem a menos por quase toda a partida.

Após a vitória fora de casa, o técnico Guto Ferreira comentou a atitude e saiu em defesa do jogador. "Quando ele toma amarelo, a gente já fica temeroso. Na sequência ele erra um lance, o que mostra a insegurança que o cartão causou. Nós chamamos o Jonathan e quando ele estava recebendo as instruções para entrar, para não corrermos o risco da expulsão, o Borel faz o gol. E aí acho que aquele gol meio que extravasou os erros do início, e ele acabou se manifestando, tipo assim, jogou tudo para cima. Tirou um peso das costas dele", disse.

O treinador também elogiou o sistema defensivo da equipe, que teve grande atuação e segurou os ataques do Timbu. "Sempre buscando a melhora. Se algum jogador conseguir chegar em um ponto de cabeceio, é não deixar chegar inteiro, como aconteceu hoje. Isso faz parte do trabalho".

O comandante ainda enalteceu o goleiro Danilo Fernandes. "O Jean é um chutador exímio. Os chutes foram de muita qualidade. O Danilo fez pelo menos umas quatro defesas fantásticas. E aí vem a experiência, a tranquilidade, o respirar. Em muitos momentos o Danilo e outros jogadores tiveram maturidade de poder também fazer isso. A gente sai com três pontos muito importantes".

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre