Esporte

Clubes brasileiros lamentam morte de Gal Costa; veja

Imagem Clubes brasileiros lamentam morte de Gal Costa; veja
Gal Costa morreu nesta quarta-feira, aos 77 anos  |   Bnews - Divulgação

Publicado em 09/11/2022, às 12h56   Osvaldo Barreto



A cantora baiana Gal Costa morreu, nesta quarta-feira (9), aos 77 anos. Torcedora do Bahia, a cantora gravou o hino de seu clube de coração, que lamentou o falecimento da artista de 77 anos.

"Com extremo pesar, o Esquadrão chora pela gigante e tricolor Gal Costa. Uma das maiores vozes da música brasileira, ela também deixa como legado a gravação do nosso Hino no CD "Doces Bárbaros Bahia", lançado em 2000, junto com Maria Bethânia, Caetano Veloso e Gilberto Gil. Nossos sinceros sentimentos a familiares, amigos e fãs. Gal será eternamente um acontecimento 'Divino Maravilhoso', com um de seus inumeros sucessos", postou o Bahia.

O Vitória também usou as redes sociais para lamentar a morte de Gal, desejando sentimentos aos familiares, amigos e fãs. 


Além da dupla BaVi, o Flamengo também fez uma homenagem nas redes sociais para a cantora. "O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente o falecimento da cantora Gal Costa, uma das maiores vozes da música brasileira. Em sua trajetória de ouro, a flamenguista Gal regravou o "Samba Rubro-Negro", de Wilson Batista".


Gal Costa nasceu na cidade de Salvador em 1945 e trilhou sua carreira musical por mais de cinco décadas, ao longo de 57 anos. Ela fez sucesso nacional junto a Caetano Veloso e Gilberto Gil e se tornou um dos grandes nomes da MPB a partir de músicas icônicas, como “Baby”, “Meu nome é Gal”, “Chuva de Prata”, “Um Dia de Domingo”, entre outras.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp