Famosos

Ex-BBB sofre ao mostrar vídeo tomando vacina no bumbum; assista

Reprodução / Instagram

As imagens foram compartilhadas pela influencer em seu perfil oficial do Instagram

Publicado em 17/09/2021, às 10h42    Reprodução / Instagram    Redação BNews

Rafa Kalimann divertiu os seguidores nesta quinta-feira (16) ao mostrar um momento de sofrimento pessoal. A ex-BBB precisou tomar vitamina B12 - aplicada quando o corpo está com baixo nível da substância -, através de uma injeção no bumbum e mostrou o desespero por causa do medo de agulhas.

Leia também
Faustão curte férias em Dubai e é "descoberto" por casal de artistas brasileiro; veja foto
Menos é Mais faz surpresa emocionante para fã com covid que 'acordou' com música do grupo; assista
Após beijo em 'A Fazenda', peoas trocam amassos no banheiro com direito a "mão boba"; veja vídeo

Em seu perfil oficial do Instagram, através dos stories, a influencer - que gerou polêmica ao comentar a fala de um pastor - compartilhou uma série de vídeos engraçados. Nas imagens, Rafa se prepara para receber a injeção, enquanto é encorajada pela mãe Genilda Fernandes e por amigos que registraram o momento em que ela finalmente abaixa o short para receber a 'agulhada'.

Apesar de todo desespero, a ex-namorada de Daniel Caon fez questão de destacar a importância da vacina contra covid-19. No perfil, ela relembrou um clique de quando recebeu a segunda dose do imunizante e parabenizou o SUS pelo trabalho que está sendo realizado na pandemia.

"TBT da minha segunda dose pra lembrar a vocês da importância dela!!! Hoje, no Brasil, mais de 8,5 milhões de brasileiros não voltaram pra tomar a segunda dose e ela é tão necessária quanto a primeira. Ela aumenta a produção de anticorpos contra o vírus, o que nos torna mais imunes a ele. Fiquem atentos às datas. Por mais que se vacinar seja ato individual de proteção, ele se torna coletivo onde todos saem ganhando porque protege todos ao seu redor, inclusive as pessoas que vocês amam. Viva o SUS, viva a vacina!!! #vacinasim #vivaoSUS"

Acompanhe oBNewstambém nas redes sociais, através doInstagram, doFacebooke doTwitter

Classificação Indicativa: Livre