Geral

Mergulhadores promovem ação de limpeza no fundo do mar em Salvador

Imagem Mergulhadores promovem ação de limpeza no fundo do mar em Salvador

Projeto Fundo Limpo realiza sua maior ação reunindo mais de 40 profissionais

Publicado em 07/06/2013, às 17h54        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

A Escola de Mergulho Galeão Sacramento está promovendo mais uma importante iniciativa contra a degradação ambiental e poluição das águas através do Projeto Fundo Limpo, que existe desde 1994. A equipe de limpeza de fundo do mar que retirou 1,4 tonelada de resíduos das águas da Barra, em Salvador, em dois dias de coleta em fevereiro, volta à ação contando com reforços e realiza evento com o maior mutirão de limpeza que já reuniu.

Em 2013, a primeira fase da ação de limpeza do fundo do mar aconteceu um dia antes do Carnaval, dia 06 de fevereiro, e recolheu 485 kg de resíduos sólidos. A segunda etapa da atividade aconteceu um dia após o término das festividades e, através desta, foram coletados 915 kg de lixo. Ou seja, quase uma tonelada e meia de resíduos em apenas dois dias de trabalho.

São realizadas, anualmente, pelo menos quatro atividades semelhantes. No dia 16 de junho, acontecerá a terceira etapa anual de limpeza do fundo do mar, porém, desta vez, será apresentada, concomitantemente, equipe de limpeza de praia – uma forma de evitar que o lixo acumulado ali durante o dia acabe sujando novamente a água.

A ação conta com uma equipe de 22 mergulhadores scuba (com cilindro de ar comprimido), incluindo dois cientistas, 20 mergulhadores em técnica de apneia (com snorkell, máscara e nadadeira e reserva de ar do próprio pulmão), além de equipe em terra de 40 voluntários trabalhando na limpeza de praia e sensibilização de banhistas. Junta-se a esta equipe, também, o time de mergulhadores da Salvamar, que fará a segurança dos participantes, além de  ajudar na atividade. 

“O lixo de fundo, também chamado de lixo bentônico, ameaça de diversas formas os animais e ecossistemas associados ao fundo marinho, sufocando corais, entupindo brânquias de pequenos animais filtradores, sendo ingeridos por predadores que o confundem com alimento e emaranhando e afogando peixes, tartarugas, golfinhos e tubarões”, explica diretor da Escola de Mergulho Galeão Sacramento, Bruno Rocha Souza.  “Sem falar que as praias têm papel fundamental na atração de turistas para Salvador. A grande quantidade de lixo espalhado nas areias e no fundo do mar é um desestímulo ao turismo da cidade”, acrescenta. 

Classificação Indicativa: Livre