Interior da Bahia

Comandante da CPRM diz que não é possível afirmar se houve rompimento em barragem na Bahia

[Comandante da CPRM diz que não é possível afirmar se houve rompimento em barragem na Bahia]
11 de Julho de 2019 às 19:16 Por: Reprodução/Metrópole FM Por: Henrique Brinco 0comentários

O comandante do Comando de Policiamento Regional Norte (CPRM), Coronel Anselmo Bispo, afirmou se não é possível precisar se houve transbordo ou rompimento na barragem de Quati, localizada no município de Pedro Alexandre (BA). O acidente atinge fortemente o município de Coronel João Sá, que está inundada pela água.

"Não podemos precisar se foi rompimento ou como chamamos no interior, a barragem sangrar, ou seja, passar por cima da sua parede principal, e foi um grande volume de água", declarou, em entrevista ao "Jornal da Cidade II Edição, com José Eduardo", na noite desta quinta-feira (11),

 Segundo ele, a Secretaria de Segurança Pública enviou suporte para monitorar a região, fazer eventuais resgates e manter a segurança do município. "O Graer usará a cidade de Paripiranga como base, sobretudo pela facilidade de dar apoio e suporte", declara o comandante.

Leia também:
Rui Costa visitará cidades afetadas por acidente em barragem nesta sexta

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas