Política

MP-BA determina abertura de inquérito para investigar suposta ‘rachadinha’ em Câmara de Ipiaú

[MP-BA determina abertura de inquérito para investigar suposta ‘rachadinha’ em Câmara de Ipiaú]
11 de Junho de 2021 às 20:38 Por: Reprodução/Google Street View Por: Redação Bnews

Ministério Público da Bahia (MP-BA) determinou a instauração de um inquérito civil para apurar suposta prática de “rachadinhas” na Câmara de Ipiaú, no sudoeste da Bahia.

A suspeita da existência do esquema foi levantada após a divulgação de uma conversa gravada entre um vereador de Ipiaú com um ex-vereador e dirigente partidário. No diálogo, uma das pessoas, o edil Picolé, fala com Plinio Nery que procurou o também vereador e presidente da Câmara Robson Moreira. Os dois teriam fechado um acordo.

O acerto consistia na contratação de uma mulher para atuar no gabinete de Moreira. Ela receberia R$ 2.200 para exercer as funções, mas ficaria apenas com a metade desse valor e o restante com Picolé.

De acordo com o órgão, o objetivo do inquérito é “apurar possíveis condutas ilícitas de servidores e membros do poder legislativo de Ipiaú, relacionadas ao pagamento e exigência de vantagens indevidas para a nomeação de agentes públicos no âmbito Câmara de Vereadores de Ipiaú”.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar