Política

Prometida para dezembro, Louos só deve chegar à Câmara em fevereiro

Neto disse que entregará a lei no início dos trabalhos legislativos deste ano

Publicado em 12/01/2016, às 13h24    Gilberto Jr.    Rodrigo Daniel Silva (@rodansilva)

Em novembro do ano passado, o prefeito ACM Neto (DEM) prometeu que entregaria em dezembro a Legislação de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (Louos) à Câmara Municipal. 
O ano terminou e a prefeitura de Salvador não enviou a lei para a Casa Legislativa. Em entrevista ao Bocão News nesta terça-feira (12), o democrata garantiu que o Legislativo Municipal receberá o projeto em fevereiro. “Nós vamos entregar agora no início dos trabalhos legislativos”, assegurou Neto.
PDDU
Em novembro do ano passado, o prefeito foi até a Câmara entregar o novo Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) de Salvador à Câmara de Vereadores. O prefeito fez questão de ir pessoalmente à sede do Legislativo municipal para levar a minuta do projeto de lei, que tem 480  páginas, e vai determinar as diretrizes e prioridades urbanas da capital nos próximos 35 anos.
A primeira audiência na Câmara para discutir o plano foi realizada no final de dezembro. Os debates retornam em fevereiro. A expectativa dos vereadores é aprovar antes do inicío das eleições municipais deste ano. 

Classificação Indicativa: Livre