Política

Câmara encerra sessão e líderes dos partidos convocam reunião de emergência

Deputados da oposição pedem que Maia instale imediatamente comissão do impeachment contra o presidente

Publicado em 17/05/2017, às 20h17        Chayenne Guerreiro e Juliana Nobre

Após a revelação do áudio que mostra o presidente Michel Temer (PMDB), autorizando a compra do silêncio do deputado cassado, Eduardo Cunha, o presidente da Câmara de Deputados, Rodrigo Maia encerrou a sessão do dia e saiu às pressas. De acordo com o deputado Jorge Solla (PT), todos os parlamentares da situação abandonaram o plenário após divulgação do fato. “ O presidente já saiu fugiu, encerrou a sessão, toda a bancada dos golpistas saíram do plenário”, afirmou.

Fontes do Bnews em Brasília apontam que ele foi direto para o Palácio do Planalto conversar com Temer.

Enquanto isso, o clima no congresso é tenso. Deputados da oposição pedem que Maia instale imediatamente comissão do impeachment contra o presidente. Além disso, líderes de todos os partidos convocaram uma reunião de emergência para discutir o que pode significar o segundo impeachment em menos de um ano.

Matérias relacionadas:Temer é gravado por dono da JBS dando aval para comprar silêncio de Cunha

Classificação Indicativa: Livre