Política

Será que agora é a vez de Aécio?

Imagem Será que agora é a vez de Aécio?

José Serra estaria de malas prontas para o PPS

Publicado em 13/10/2011, às 15h09        Caroline Gois


Foi divulgado, na noite de quarta-feira (12), no Jornal do SBT, que o ex-governador de São Paulo, o tucano José Serra, estaria de malas prontas para o PPS, do deputado federal Roberto Freire.

Segundo o comentarista Carlos Chagas, Serra está inclinando no PSDB porque está se sentindo desprestigiado pelo governador paulista Geraldo Alckmin e sentindo ameaças diante das declarações feitas pelo senador Aécio Neves. O senador tucano teria dito ele é o candidato natural do PSDB para à Presidência da República em 2014, e não abre mão disso.

Para reforçar mais ainda esta tese, a assessoria do senador, que governou por sete anos o estado de Minas Gerais, publica num site particular, quase que diariamente, ações e discursos feitas pelo tucano que o colocam numa posição de candidato. "Vamos construir uma nova agenda, que fale em educação básica de qualidade, que fale em gestão também de qualidade na saúde pública, nas questões ambientais, enfim, uma nova agenda para o Brasil para os próximos 20 anos", disse Aécio.
Já visando o posto mais alto de um partido, em 2010, Aécio Neves elegeu-se senador da República, por Minas Gerais, com 7.565.377 votos. Tomou posse em Brasília, em fevereiro de 2011.
O senador ainda argumentou que já foram as chances de Alckmin e Serra, por duas vezes, e eles foram derrotados. Portanto, Aécio entende que agora é a sua vez.
Em 2010, Serra foi o candidato pelo PSDB à Presidência, tendo obtido 44 milhões de votos no segundo turno das eleições.

Classificação Indicativa: Livre