Política

Após conversas vazadas, Neto defende Moro: não abala em nada a credibilidade do ministro

Paulo M. Azevedo / Bnews
Neto reiterou ainda o “combate a corrupção" da Lava Jato   |   Bnews - Divulgação Paulo M. Azevedo / Bnews

Publicado em 17/06/2019, às 12h39   Marcos Maia e Tamirys Machado



O prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ACM Neto defendeu nesta segunda-feira (17), o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, que teve conversas vazadas publicadas pelo site O The Intercept onde orientou ações da Operação Lava Jato, com procuradores do Ministério Público Federal. 

“Com o que saiu até agora, eu não acho que abala em nada a credibilidade e liderança do ministro Sério Moro. Pode haver discussão sobre alguns termos, ele próprio disse que foi descuidado. Mas não acho que seja nada que justifique nem questionar as decisões da Lava Jato, nem o trabalho correto que o ministro Moro vem fazendo pelo Brasil”, disse, nesta segunda (17), durante evento no Palácio Thomé de Souza.  

O ministro da Justiça irá à CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado nesta quarta-feira (19) para se explicar aos senadores. Neto reiterou ainda o “combate a corrupção, enfrentamento aos desvios e as coisas erradas que acontecem no Brasil”, feita pela Operação. “A Lava Jato teve um papel importantíssimo no Brasil ajudando a virar uma página espúrias que aconteceram entre a política e setor empresarial. O que tem até agora não tem força para comprometer o trabalho do ministro”, ressaltou.  

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp