Política

Paulo Souto admite que pode ser conselheiro de ACM Neto a partir de 2021

BNews/Dinaldo Silva

"É possível, sim, é claro que é possível", diz secretário da Fazenda

Publicado em 21/12/2020, às 18h43    BNews/Dinaldo Silva    Pedro Vilas Boas e Henrique Brinco

O atual secretário da Fazenda de Salvador, Paulo Souto (DEM), deverá acompanhar o prefeito ACM Neto (DEM) no escritório político que ele deve montar a partir de 2021 para preparar a campanha ao Governo do Estado em 2022. A informação foi apurada pelo BNews nos bastidores.

Questionado pela reportagem, o gestor tergiversou sobre o assunto, mas admitiu a possibilidade. "Não pensei nisso, não. Vamos descansar um pouco aí e em janeiro a gente pensa nisso", disse, sinalizando positivamente em seguida. "É possível, sim, é claro que é possível".

Com o arranjo, Souto não integrará a gestão do prefeito eleito Bruno Reis (DEM) e deverá substituído por Thiago Dantas, que hoje comanda a Secretaria Municipal da Gestão (Semge).

Leia também:
Paulo Souto vai compor escritório político como "conselheiro" de ACM Neto para 2022
ACM Neto comenta reunião com Bolsonaro: "Foi uma conversa de bom nível"
ACM Neto evita cravar saída de Elmar da disputa na Câmara Federal

Classificação Indicativa: Livre