Política

Fábio Mota fala dos bairros críticos para o coronavírus em Salvador e revela pacote de Bruno Reis para o setor cultural

[Fábio Mota fala dos bairros críticos para o coronavírus em Salvador e revela pacote de Bruno Reis para o setor cultural]
22 de Fevereiro de 2021 às 09:04 Por: Dinaldo Silva BNews Por: Brenda Viana e Raul Aguilar

O secretário de turismo de Salvador e coordenador das ações de proteção à vida, Fábio Mota, afirmou, em entrevista ao BNews, que o impacto econômico do toque de recolher no turismo na cidade não está sendo considerado neste momento de alta de casos, internações em UTI e mortes provocado pelo novo coronavírus.

"Neste momento o que está se tentando preservar são vidas, a gente tá vivendo um momento muito delicado com um alto índice de casos na cidade Salvador principalmente neste três bairros: Pituba ,Brotas e Itapuã. A vida neste momento é muito mais importante do que qualquer outra ação. Então o que está sendo feito nesses bairros, das próprias restrições de funcionamento é em função do número alto de caso, por exemplo, desde dezembro que as ações a favor da vida estão acontecendo e os números não cedem, nós temos hoje 24% de teste positivo nesses três bairros", destacou Mota.

O secretário de Turismo aponta o número reduzido de imunização, provocado pela demora do governo federal em disponibilizar as doses, como um dos entraves para retomada de shows. Ele sinaliza que o Congresso Nacional precisa aprovar o PL de socorro aos trabalhadores e empresários do ramo do entretenimento.

"A pandemia não cedeu, pelo contrário, aumentou e tinha expectativa muito grande de vacinas por parte do governo federal, o que infelizmente não se concretizou. O número de imunização na cidade é inferior do planejado, então fica difícil agora você falar em carnaval, falar em festa. Não é fácil você ficar um ano sem trabalhar, por exemplo pessoal do entreterimento, estão um ano sem fazer um show, sem fazer festa; é um situação complicada e o poder público federal precisa entrar. Existe um projeto tramitando na Câmara dos Deputados, no intuito de dar o apoio ao pessoal, principalmente do entretenimento, a gente espera que a Câmara e o Senado Federal se sensibilizem para votar esse projeto, para que efetivamente essa ajuda chegue", solicitou o gestor.

Fábio Mota revelou que o prefeito Bruno Reis (DEM) deve lançar um programa para ajudar os trabalhadores do setor cultural da capital da Bahia: "O Prefeito Bruno Reis, nos próximos dias deve divulgar um pacote e um projeto no nível de dar apoio, e esperando também que o governo federal da mesma forma faça isso, o que não dá é para ficar um ano sem poder trabalhar".

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar