Política

Presidente do STF pede a Bolsonaro que só indique novo ministro quando Marco Aurélio se aposentar

Reprodução/Marcos Corrêa/PR

Pedido acontece após o jornal O Estado de São Paulo publicar que Bolsonaro anunciaria o advogado-Geral da União, André Mendonça, para vaga ainda nesta semana 

Publicado em 09/06/2021, às 08h44    Reprodução/Marcos Corrêa/PR    Redação BNews

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, pediu ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que aguarde a aposentadoria do ministro decano da corte, Marco Aurélio Mello, antes de indicar o nome que ocupará a vaga. 

Na última terça-feira (8), o jornal O Estado de São Paulo publicou que Bolsonaro havia dito a interlocutores que anunciaria o advogado-Geral da União, André Mendonça, para vaga ainda nesta semana

De acordo com informações do site Poder 360º, o encontro, que não estava nas agendas de nenhuma das duas autoridades, aconteceu no final da tarde desta terça.

Ambos se reuniram por 20 minutos no gabinete da Presidência do Supremo, após Fux telefonar para Bolsonaro. Em março deste ano, Marco Aurélio comunicou que vai se aposentar no próximo dia 5 de julho. 

No ano passado, Bolsonaro indiciou Kassio Nunes Marques antes da aposentadoria do ex-ministro Celso de Mello. A escolha de Nunes Marques aconteceu quase duas semanas depois do Mello deixar a Corte. 

Fux pediu ao presidente, por “cortesia”, que aguardasse a aposentadoria do decano.

Classificação Indicativa: Livre