Política

Bacelar pode estar na berlinda

[Bacelar pode estar na berlinda]
11 de Janeiro de 2013 às 06:34 Por: Luiz Fernando Lima (twitter: @limaluizf)
Ainda não há prazo para a emissão do laudo técnico do incêndio que atingiu a sede da secretaria de Educação de Salvador. As razões para o incidente do último dia 3 ainda são desconhecidas, mas diversas suspeitas foram levantadas e a oposição ao governo recém iniciado do prefeito ACM Neto (DEM) acompanha de perto a apuração dos fatos.

Fonte ligada ao Bocão News, que preferiu não se identificar, revelou que além dos adversários, os governistas também estão de olho no laudo. Caso seja confirmada a hipótese de incêndio criminoso, o secretário João Carlos Bacelar (PTN) deve cair.

O mesmo agente político garante que Bacelar é o único elo frágil do quadro Neto. O representante do DEM assumiu o Thomé de Souza levantando a bandeira da moralização do poder público. Expediu diversos decretos no sentido de garantir que apenas quem tem a “ficha-limpa” integre seu quadro.

Bacelar refuta qualquer acusação, mas está sendo investigado pelo Ministério Público Federal (MPF). Os problemas com a ONG Pierre Bourdieu ainda não foram completamente resolvidos ou explicados. Agora, o incêndio na Secult. Os próximos dias podem ser decisivos para o único elo entre as gestões de João Henrique e ACM Neto.

O MPF publicou nota no site insititucional oficializando a abertura da investigação. O procurador da República Vladimir Aras ressalta que “em se tratando de bem tombado pelo Iphan, a atribuição para apurar a existência ou não de incêndio criminoso é do MPF.”


Publicada no dia 10 de janeiro de 2012, às 09h34
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar