Política

Sucessão 2014: Jonas Paulo nega saída de Rui Costa da disputa

Imagem Sucessão 2014: Jonas Paulo nega saída de Rui Costa da disputa

Deputado federal nega que algum boletim tenha sido enviado pelo PT

Publicado em 22/01/2013, às 09h36        Marivaldo Filho (Twitter: @marivaldofilho)

O deputado federal e ex-secretário de Relações Institucionais, Rui Costa (PT-BA), e o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores, Jonas Paulo, negaram a exclusão do nome de Rui Costa da corrida pela sucessão do governador Jaques Wagner em 2014.
"Não existiu nenhum anúncio oficial do Partido dos Trabalhadores. Não sei de onde isso surgiu. Nada foi passado para mim e não é verdade. Continuo na disputa e tranquilo quanto ao processo de sucessão", declarou Rui Costa.
O presidente estadual do PT, além de negar a retirada do deputado federal da disputa, ainda colocou mais nomes no "bolo" da sucessão petista. "Todos os 95 mil filiados do partido podem pleitear. Até agora, pelo o que soube, Rui Costa, Luiz Caetano, Walter Pinheiro e Sérgio Gabrielli já mostraram interesse. Mas, até agora, nem eu nem o governador Wagner analisamos os nomes. Isso será feito depois e com muita calma", garantiu Jonas Paulo.
Segundo o presidente petista, a prioridade, neste momento, é preparar o governo para o ano de 2013 e para a sucessão estadual da legenda, em novembro deste ano. "Nem para a sucessão interna estamos tão apressados. Por que definiríamos uma sucessão tão mais importante, que é a de Wagner, de forma açodada? Vamos fazer devagarzinho", rebateu Jonas Paulo.

Nota originalmente postada às 18h do dia 21

Classificação Indicativa: Livre