Política

Escândalo: Saiba quem é Juscelino Filho, ministro de Lula indiciado por corrupção

Cleia Viana / Câmara dos Deputados
Juscelino Filho virou alvo da Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (12)  |   Bnews - Divulgação Cleia Viana / Câmara dos Deputados

Publicado em 12/06/2024, às 18h38   Luana Neiva



O ministro das Comunicações, Juscelino Filho (União Brasil-MA), foi indiciado pela Polícia Federal nesta quarta-feira (12), por organização criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção passiva. O empresário maranhese de 39 anos é o primeiro do escalão atual do presidente Lula (PT) a ser acusado de algum crime. 

Inscreva-se no canal do BNews no WhatsApp

O ministro virou alvo por suspeita de desviar emendas parlamentares para pavimentação de ruas de Vitorino Freire, no interior do estado. Ele que é deputado federal está licenciado da Câmara para poder assumir o Ministério. Sua indicação ao governo Lula foi costurada pelo senador Davi Alcolumbre (União-AP).

De acordo com relatório da PF Juscelino integraria uma "organização criminosa" com um empresário com base em mensagens analisadas pelos investigadores no celular de Eduardo DP no período entre 2017 e 2020. 

Pronunciamento

Após a polêmica, o União Brasil declarou apoio ao filiado e afirmou não aceitar “pré-julgamentos ou condenações antecipadas” contra o chefe da pasta.

“Indiciamento não deve significar culpa, e o princípio da presunção de inocência e o devido processo legal devem ser rigorosamente respeitados. Ao longo do último ano, temos testemunhado vazamentos seletivos e descontextualizados relacionados à investigação, com o objetivo de criar uma instabilidade política que não interessa a ninguém”, diz o União Brasil em nota.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp