Política

Executor de Marielle entrega novos detalhes sobre planejamento do assassinato

Renan Olaz/Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Formação de milícia passou que matou Marielle passou por encontros em haras  |   Bnews - Divulgação Renan Olaz/Câmara Municipal do Rio de Janeiro

Publicado em 30/05/2024, às 08h26   Pedro Moraes



Os irmãos Chiquinho e Domingos Brazão arquitetaram o assassinato de Marielle Franco com outros comparsas. Após o planejamento, o ex-policial militar Ronnie Lessa detalhou como conheceu os dois, durante a delação premiada à Polícia Federal (PF) e à Procuradoria-Geral da República (PGR), em 1999.

Lessa detalhou que os primeiros encontros ocorreram em uma casa em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, perto de onde a dupla tem um haras.  

"Eu acredito que no ano de 1999, se não me engano, foi quando eu os conheci. Eu fui construindo um criadouro de passarinhos, que era uma reprodução de curiós e bicudos na área ali próximo onde seriam os condomínios, na área da Chacrinha", detalhou Lessa, segundo divulgado pelo O Globo.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp