Na Sombra do Poder

Na Sombra do Poder: Bellintani avança pra 2020

[Na Sombra do Poder: Bellintani avança pra 2020]
20 de Dezembro de 2018 às 05:21 Por: Arquivo BNews / Reprodução Por: Editoria de Política 0comentários

De Paris para a Bahia

O ti-ti-ti desta semana no governo da Bahia foi a notícia da delação de Manuel Ribeiro e da Construtora Queiroz Galvão. No centro de tudo estaria o ex-secretário do Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia, James Correia, que comemora 60 anos no próximo sábado (22). O regabofe já está sendo alcunhada como a Festa do Guardanapo Baiano, em alusão à famosa farra da trupe de Sergio Cabral, realizada em Paris. Quem não está preso foi delatado.

Bellintani avança

Fontes da Sombra do Poder dão conta que o presidente do Bahia e ex-secretário de Salvador, Guilherme Bellintani vem avançando bastante com as articulações visando 2020. Querido pelo senador Otto Alencar e pelo governador Rui Costa, o advogado vem pavimentando aos poucos seu caminho no campo político. Aos mais próximos, já confessa que tem se animado pelos convites e que seria um nome “leve” na nova política soteropolitana e que não ficaria atrás das não tão mais novas “raposas” da capital baiana que contavam como certa a sua eleição no pleito municipal … Quem viver verá...
 
Falta mais do que notada

Em meio à polêmica envolvendo as alterações nas gratificações dos professores estaduais, cujo projeto já foi aprovado pelos deputados, uma falta foi notadamente sentida nas hostes do Governo: a do ex-secretário de Educação Walter Pinheiro (sem partido), que, ao menos, oficialmente não foi decretado fora da gestão do governador Rui Costa (PT). Enquanto o cenário fica cada vez pior, não apenas no quesito relação com a categoria, mas também a novos índices, Pinheiro permanece no Senado, inclusive, fazendo discurso de despedida e deixando todo o pepino, conforme atestam interlocutores da Governadoria, nas mãos de Rui e do líder do Governo, deputado Zé Neto (PT).
 
Despedida dupla

Contudo, os comentários, maldosos, ou não, são de que tão logo ele retorne terá que fazer uma despedida dupla. O mandato de Pinheiro no Senado se encerra em fevereiro e a verdade é que aliados para substituí-lo na pasta da Educação na nova gestão de Rui não faltam, a exemplo da socialista deputada federal eleita Lídice da Mata, cujo nome não para de ser ventilado.
 
Registre-se

Só saem se quiserem da gestão de Rui: André Curvello, na Comunicação (governador já confirmou continuidade), Fábio Villas-Boas, na Saúde, e Manoel Vitório na Fazenda. O resto é interrogação na cabeça. E vale destacar: os telefonemas do Correria começam a partir de hoje. 
 
Brilho demais

A quantidade de brilho da roupa da primeira-dama da Assembleia Legislativa da Bahia, Eleusa Coronel, não passou despercebida para uma tarde de terça-feira de sol durante cerimônia de diplomação do senador eleito Angelo Coronel, em especial se comparada ao discreto e elegante vestido de poá da primeira-dama do Palácio de Ondina, Aline Peixoto.
 
Sem carinho

Angelo Coronel, atual presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, que se despede da Casa rumo ao Senado, entre os que por lá ficam, fica a fama de que sua forma de tratar os servidores nada se assemelha ao projeto que instituiu: Assembleia de Carinho.  Se esperava muito mais carinho da parte em seu final de mandato. 
 
O dono da bola

Está praticamente batido o martelo na gestão do Detran: a bola sai da turma do Podemos e vai para o PP, leia-se Ronaldo Carletto. O indicado seria o futuro ex-deputado estadual Luís Augusto, apadrinhado do cacique pepista, conforme antecipado pelo BNews. A gestão iria com a proposta de punhos fortes e lupa apurada. Há quem diga que o governador tá virado com a turma que “passeou” lá por anos e anos. Dessa vez não emplacaram ninguém!
 
Sinal de alerta

Ainda conforme informações chegadas ao BNews: o sinal de alerta foi ligado no PP, do vice-governador João Leão. O motivo? A ânsia pelo poder do deputado federal Ronaldo Carleto, que está querendo ser o mandatário dos cargos no governo Rui Costa, ocupando assim o posto, até então ocupado, pela família Negromonte. A guerra tende a ser de gigantes e dará muita dor de cabeça a Leão, pois cabelo branco ele já tem o suficiente. É o que dizem.
 
Olho cresce

Em meio a esse cenário, aliado a decaída que obteve na última eleição de 66.703 mil votos (169.215 votos em 2014 x 102.512 votos em 2018), fala-se até mesmo que o deputado federal reeleito Mário Negromonte Jr. já teria em seus planos: ser comandante, secretário mesmo de uma das pastas que vier a ser ofertada à sigla, desde que seja robusta, de forma que ele possa voltar a se capitalizar e, por tabela, barrar a ambição de Carleto.
 
Verão tenso na ilha 

Alguns figurões que costumam pegar suas lanchas faraônicas e atravessar a Baía de Todos os Santos para desfrutarem de um pedaço de terra privilegiado da Ilha tem confessado a amigos que este verão será bastante tenso por aqueles lados. Alguns coringas ligados à políticos da Terra de Jorge Amado andam bastante apreensivos com as últimas operações ocorridas recentemente. Alguns até já colocaram suas mansões para aluguel e estão topando qualquer proposta pela temporada. A época das vacas gordas parece ter chegado ao fim para o lado da Ilha requisitada. Paraíso outrora de reuniões políticas e decisões governamentais importantes do estado, aparenta ter se tornado um mausoléu de velhas figuras que já não apitam mais no poder local. Sonífera ilha...
 
Perseguição?

Após o STF avalizar a inelegibilidade de Isaac Carvalho, o PCdoB emitiu nota afirmando que o ex-prefeito de Juazeiro é “vítima de perseguição”. Culpou os adversários “ávidos por poder”. Assim como Lula, Isaac foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa e agora se vale do mesmo argumento vitimista do PT. Será que cola?
 
Terno de posse

A notícia de que o TSE negou recurso do petista Luiz Caetano e deferiu a candidatura de Charles Fernandes (PSD), que é o primeiro suplente de deputado federal na coligação do governador reeleito Rui Costa (PT), deixou muita gente animada. Mais ainda, se associada a declaração do próprio governador Rui Costa de que convocará deputados federais eleitos para o seu novo governo. As más línguas confirmam, inclusive, que Joseildo Ramos (PT), já estaria escolhendo o terno de posse. A conferir.

Unção do galego 

A articulação do senador eleito Jaques Wagner (PT) para reoxigenar o PT tomou corpo com o lançamento do nome do seu assessor por 10 anos, Éden Valadares, de 37 anos, para assumir a sigla no Estado. Resta saber como vão se situar os velhos caciques da sigla que também pregam renovação, mas de nada construíram para que o caminho começasse a ser ocupado por mais jovens. Há quem diga que agora vai começar o processo do fogo amigo interno, o que é muito comum quando se fala de PT. Se discurso de renovação contagiar, Éden tem fortes chances de ascender. Analisemos os comportamentos dos “companheiros” e as repercussões diante do fato. 

Movimento 

A notícia de que três vereadores formariam uma bancada independente na Câmara de Salvador e dentre eles dois seriam da bancada governista na Casa, soou como uma bomba nos bastidores. Algum descontentamento há. Joceval Rodrigues, um dos citados, cujo papel de líder do governo já fora desempenhado no legislativo local, tratou logo de negar aquilo que foi publicado. Outros nomes: Muniz e Maurício Trindade. O certo é: onde há fumaça, há fogo. 

Selo

Apesar de não falarem abertamente sobre os pormenores, na pauta da conversa entre o governador Rui Costa (PT) e o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM) foi acertado o apoio da bancada governista à reeleição do democrata.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas