Na Sombra do Poder

Na Sombra do Poder: sobre Praia do Forte e cavalos árabes

[Na Sombra do Poder: sobre Praia do Forte e cavalos árabes]
08 de Abril de 2021 às 05:30 Por: Reprodução/Divulgação Por: Editoria de Política

Sobre Praia do Forte e cavalos árabes

Praia do Forte, suntuoso balneário baiano, vem ganhando um novo status quo na sociedade da terrinha. Conhecida pelos seus famosos veranistas, que vão de políticos poderosos a lobistas de quinta categoria, a novidade por lá agora é o gosto apurado por criação dos desejados cavalos árabes. Nos almoços de sábado nos palacetes recém inaugurados o assunto da vez é quem está comprando ou vendendo o melhor da raça... Entre vinhos caríssimos e alguns “xaxados”, a conversa rola solta e muita gente acaba falando o que não deve. Fontes da NSP afirmam que se a Receita Federal bater nesses rega bofes litorâneos, muita gente vai entrar em maus lençóis... tem muito sabão para pouca "roupa".

Torre de Babel

Um robusto órgão da prefeitura de Salvador vem sendo carimbado como Torre de Babel. A NSP apurou que a alcunha se dá por conta de haver muito cacique para pouco índio. O gestor maior não fala com o sub, que não fala com o diretor, que não fala com a coordenadora... pasmem os senhores, tudo isso em meio a uma pandemia assassina. A guerra de vaidades é tão absurda que eles saem em ação oficial para o mesmo lugar, mas vão em carros separados. O prefeito Bruno Reis já avisou que vai cortar cabeças.

Viúva negra na AL-BA

Uma servidora da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) vem tirando o sono de alguns deputados e assessores da Casa. A moça sempre com decotes avantajados e saias pouco republicanas vem causando discórdia entre alguns marmanjos da instituição. Há quem diga que ela já causou uma separação e o termino relâmpago de um noivado. Tem até parlamentar novinho, saído da casca do ovo, caindo no conto da viúva negra. Um deputado velha guarda confessou à NSP que ela já fez estrago no mais alto escalão da Casa em outros tempos.. é de arrepiar a saga da Viúva Negra!

Loft cor de rosa

Um alto executivo do primeiro escalão da política local resolveu "sair do armário". Em plena Sexta-feira Santa o bonitão fez um almoço para alguns rapazes regado a aperol e muito vinho Rosé. Uma amiga desta coluna tentou penetrar na festinha, mas foi barrada no play por uma assessora.. lá em cima a caixa de som explodia ao som de Silva na melhor versão "A cor é rosa". 

Vem logo 2022

O ócio pós prefeitura está mexendo com os nervos de ACM Neto. Depois de se oferecer como voluntário a Sheila Lemos em Vitória da Conquista - na ocasião da partida de Herzem Gusmão - ele agora está em busca de um lugar nas redações. Nesta quarta, no Dia do Jornalista (7 de abril), o cacique democrata resgatou imagens e memes nas suas redes sociais alimentando a resenha de experimentar a outra face da moeda. Vem logo 2022...

As cartas de Roma para 2022

Após silêncio com a nomeação de João Roma, Alexandre Aleluia visitou essa semana o ministro e levou Sidninho (fiel escudeiro de Bacelar) a tiracolo. Até então Aleluia não tinha dado um “a” sobre a ida do deputado federal pela Bahia para o governo Bolsonaro. Com as arestas aparentemente aparadas, será que vem dobradinha nas eleições 2022? Uma coisa é certa, Roma está dando as cartas em Brasília, com movimentos friamente calculados que estão atingindo em cheio o fígado de ACM Neto por aqui na Bahia. O coquetel Roma-Aleluia é um incômodo que Neto não imagina ter na jornada pelo Palácio de Ondina.

Sensatez

Por falar em ano eleitoral, o senador Jaques Wagner colocou uma dose de sensatez na ansiedade dos obstinados por números e pesquisas de intenção de votos. Em entrevista exclusiva ao BNews disse não ver sentido, tanto do ponto de vista do tempo ainda distante para as urnas, como pelo momento trágico da pandemia marcado pelo sofrimento de milhares de mortos. 

O incendiário

É bom Sandro Régis ficar esperto porque a qualquer momento pode perder o posto de líder da oposição na AL-BA. A principal ameaça, pasmem, vem da base governista, mais precisamente do PP. É que o deputado Robinho faz jus ao apelido de "incendiário" e, mesmo durante a pandemia - quando muitos arrefeceram as críticas -, ele não poupa as queixas contra o governador Rui Costa. Dessa vez, bradou que o petista não enviou ajuda aos municípios, inclusive para Nova Viçosa onde sua esposa é prefeita, e que por isso os prefeitos estão resistentes em acolher as medidas restritivas colocadas nos decretos estaduais. "O governador mandou zero de ajuda para os municípios combater a pandemia", esbravejou.      

O gramado precede as urnas

Quem anda garantindo uns votinhos para o pleito do ano que vem é o deputado estadual Roberto Carlos. Além da vida política, ele é presidente da Juazeirense. O clube fez uma partida histórica ontem contra o Volta Redonda, do Rio de Janeiro. Após tomar 3 gols, o time baiano conseguiu empatar, levou para os pênaltis e se classificou para a terceira fase da competição nacional. De sobra, ainda ganhou uma bolada milionária.

Visitando meu emprego

Acordei, tomei banho e decidi visitar o escritório de um amigo. Quando cheguei lá lembrei que também sou funcionário daquela empresa, mas quase nunca vou e me sinto visitante. Fui trabalhar? Não! Fiz foto e selfie como visitante e caí fora. Esse é o resumo do “passeio” de Felipe Lucas na Sempre, com direito a pausa no gabinete do secretário Kiki Bispo. 

P.S. Lucas é diretor de esporte da secretaria.

Menino do Uber

Recém chegado à CMS, Átila do Congo já conquistou em pouco tempo a antipatia de diversos colegas por tentar fazer política na base do grito, como um motorista estressado no trânsito. Bradou, esperneou, ameaçou sair da base e saiu atirando para todos os lados, da líder de oposição ou líder de governo. O menino do Uber talvez não saiba que quem entra no buzu lotado não senta na janela.

Arraiá "vip"

O governador Rui Costa (PT) fez uma sugestão inusitada para comemoração do São João na Bahia. Como, pelo andar da carruagem, é melhor nem se animar com a possibilidade dos festejos acontecerem, o chefe do Executivo baiano propôs, em tom de brincadeira, uma festa "só para a melhor idade". O "arraía" seria no Parque de Exposições. Pra entrar? Só acima de 60 anos, com a carteira de vacinação em mãos. "Quem tiver vacinado entra, quem não tiver vacinado não entra", brincou o Correria. Que tal? Dizem as más línguas que o festeiro secretário de Saúde, Fábio Vilas-Boas, já tirou a camisa quadriculada do armário.

Isidório sendo Isidório

O Pastor Sargento Isidório, que acabou sendo internado nesta semana com suspeita de Covid, mas teve exame negativo, encontrou um jeito inusitado de conscientizar a população para a pandemia.

 


 

 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar