Política

"O agro não é maior que o Brasil", diz Gleisi Hoffmann em resposta a presidente da CNA

Marcelo Camargo / Agência Brasil
A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, respondeu ao comentário de João Martins, presidente da CNA, nesta quarta (12)  |   Bnews - Divulgação Marcelo Camargo / Agência Brasil
Davi Lemos

por Davi Lemos

[email protected]

Publicado em 12/06/2024, às 21h06



A deputada federal e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, criticou nesta quarta-feira (12) fala do presidente da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), João Martins, que, no dia anterior, disse que se recusaria a falar com o presidente Lula (PT) quando se discutia a MP da PIS/Cofins.

“Eu não quero falar com o presidente Lula. Eu me recuso a falar com o presidente Lula, porque estamos vivendo um desgoverno", declarou Martins, na terça-feira. No X (antigo Twitter), Gleisi respondeu: “Desgoverno era aquele que a CNA apoiou, que isolou o Brasil e fechou mercados por incentivar o desmatamento, as queimadas, os agrotóxicos, o trabalho escravo e a truculência contra os trabalhadores rurais”.

"O agro não é maior que o Brasil, mas é importante demais para ser representado por pessoas cegas pela ideologia de extrema-direita, incapazes de enxergar um palmo além da própria ganância", complementou a dirigente nacional do PT.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp