Coronavírus

Mapa da pandemia: saiba quais são os 12 bairros onde se mais adoece por covid-19 em Salvador

[Mapa da pandemia: saiba quais são os 12 bairros onde se mais adoece por covid-19 em Salvador]
20 de Maio de 2021 às 10:06 Por: Vagner Souza/BNews Por: Diego Vieira

Doze bairros de Salvador já ultrapassaram a marca de três mil moradores infectados pelo coronavírus desde o início da pandemia. Com 6.409 casos confirmados até esta quarta-feira (19), a Pituba segue liderando a lista das localidades onde se mais adoece por Covid-19 na capital baiana. O número total de diagnósticos na cidade é de 201.213 e o de mortes é de 6.116, segundo dados do portal da transparência da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). 

Já em Pernambués, que atualmente ocupa a segunda colocação no ranking, a Covid-19 já atingiu 5.851 moradores. Por isso, o bairro que chegou a ocupar o topo da lista com mais casos da doença na cidade por um longo período é um dos que mais recebeu ações de proteção à vida realizadas pela prefeitura. As ações envolvem realização de testes rápidos, distribuição de máscaras, medição de temperatura, higienização e lavagem de ruas, ações de combate ao mosquito Aedes aegypti.

Em terceiro lugar, Brotas já registrou 5.373 casos da doença. Por este motivo o bairro segue com as ações de combate ao vírus.

Outros nove bairros da cidade também já registram mais de três mil testes positivos, são eles:  Itapuã (4.521), Fazenda Grande do Retiro (3.869), São Marcos (3.555), Liberdade (3.542), Santa Cruz (3.506), São Cristóvão (3.418), Cabula (3.392), Federação (3.278) e Beiru/Tancredo Neves (3.223).

Possível terceira onda

O secretário de Saúde de Salvador, Leo Prates, disse nesta quinta-feira (20) que “os dados estão mostrando crescimento expressivo” da Covid-19 na capital baiana.

Autoridades de saúde alertam para uma eventual terceira onda da doença na cidade, mesmo com a ampliação da vacinação. Para evitar mais um pico da Covid-19, seria necessário vacinar 70% da população.

Salvado, inclusive, pode aplicar novas medidas de restrição para conter mais um avanço da doença na capital.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar