Política

O debate vai ser longo

[O debate vai ser longo]
18 de Abril de 2011 às 14:02 Por: Maiana Brito

Primeiro quem deu declarações polêmicas sobre as eleições de 2012 em entrevistas foi o senador Walter Pinheiro. Agora, a vez foi de Nelson Pelegrino. Ele disse admitir apoio de João Leão e João Henrique durante a campanha eleitoral. Para Pinheiro, o debate vai ser longo dentro do partido e isso ainda vai ser moldado lá na frente.

“Ele deve ter se referido ao fato de querer a aproximação do PP, já que é um aliado da base dos governos estadual e federal. Como eu tenho dito, para eleger um candidato, precisamos ter uma frente do tamanho da que ajudou na campanha de Wagner". Em sua opinião, o deputado federal quis dizer que o importante é ampliar a base, independente se o apoio é do Leão ou do Carneiro.

O chefe da Casa Civil, João Leão, que declarou sair candidato ao Palácio Thomé de Souza se o povo quiser, disse que não entende por que o candidato da situação tem que ser do PT, já que há tantos outros políticos com um bom perfil, com chances de disputar. “Não existe isso. Não tivemos nenhuma conversa neste sentido e ainda não sabemos quem vai ser o pré-candidato da base. Ele tem que pedir conselhos ao senador. Quem quer pegar o passarinho, não faz show”.

Segundo Leão, Wagner apontou que Pelegrino é o predileto a disputar o pleito, mas também teria dito que se ele (Chefe da Casa Civil) fosse o candidato, estaria tudo bem. “Ele me disse: eu apoio”. Perguntado sobre o interesse dele em disputar a vaga de pré-candidato da base aliada, ele se negou a responder e declarou que só fala sobre política partidária a partir de janeiro de 2012.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar