Salvador

Sem saber que estava grávida, adolescente de 16 anos dá à luz em UPA de Salvador após reclamar de dor abdominal

Divulgação
Equipe médica fez parto de adolescente na sala de medicação de UPA  |   Bnews - Divulgação Divulgação

Publicado em 11/03/2024, às 19h28   Cadastrado por Victória Valentina



Uma adolescente de 16 anos procurou a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) no bairro de Brotas, em Salvador, nesta segunda-feira (11), com queixas de dores abdominais. No entanto, a jovem não esperava que, na verdade, estava prestes a ter um filho.

Segundo a equipe médica que atendeu a adolescente, ela chegou até a unidade de saúde relatando dor abdominal intensa, do lado esquerdo, e constipação. Passou por avaliação médica, raio-x, exames laboratoriais e negou que estivesse grávida.

Diante do relato, a paciente foi encaminhada para sala de medicação, quando foi identificada a evolução do quadro, tendo protusão em região vaginal e rompimento da bolsa amniótica. 

"O parto foi realizado na sala de medicação, sem intercorrências. Para mim foi muito gratificante, foi uma emoção muito grande estar com toda a equipe da UPA de Brotas. Fiquei muito emocionada hoje", contou a enfermeira Luciene Passos.

O bebê, do sexo masculino, nasceu com 3,175 kg e 51 centímetros. Após cuidados iniciais à criança e à genitora, uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionada e a paciente regulada para Instituto de Perinatologia da Bahia – IPERBA.

A equipe foi composta pelos médicos Roberta Veiga, Juliana Andrade e Gabriel Costa, a enfermeira Luciene Passos, as técnicas de enfermagem Damiana Pinto, Ivana Batista, Judice Vale e Ivany Borges, além das pediatras Caroline Schons, Fernanda Ataíde e Luana Couto.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp