Saúde

Hospital Dom Rodrigo de Menezes, antigo leprosário será desativado

Para Sesab, será encerrado um período de preconceito e segregação contra os doentes

Publicado em 23/01/2013, às 17h13        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

O Hospital Dom Rodrigo de Menezes, antigo leprosário, unidade que funciona em Cajazeiras, que atende pacientes com hanseníase será desativado. Nesta quarta-feira (23), às 9h, o secretário da Saúde do Estado, Jorge Solla, concede entrevista coletiva na sede da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), no Centro Administrativo da Bahia, para fazer o anúncio oficial.

Além de Jorge Solla, participam da coletiva a superintendente de Atenção Integral à Saúde, Gisélia Souza; a diretora do Hospital Couto Maia, Ceuci Nunes, e o diretor do Hospital Dom Rodrigo de Menezes, José Mário Benevides. Na ocasião será esclarecido o novo fluxo de atendimento dos pacientes e a destinação que será dada a área onde hoje funciona o hospital.

Para a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), o momento é um marco na saúde pública baiana pois encerra um período de preconceito e segregação a respeito da doença na Bahia, que passa a ser tratada como uma doença infecto-contagiosa como as demais, em uma unidade especializada.

Nota originalmente postada às 7h do dia 23

Classificação Indicativa: Livre