BNews Turismo

Destino nordestino espera movimentação de valor bilionário durante a alta temporada; confira

Divulgação / Pixabay
Setur-AL espera que mais de 1 milhão de turistas passem pelo aeroporto de Maceió no período  |   Bnews - Divulgação Divulgação / Pixabay

Publicado em 18/09/2023, às 14h31   Téo Mazzoni


FacebookTwitterWhatsApp

Para a alta temporada de verão de 2023/2024, que abrange o período de dezembro deste ano até março do próximo ano, Alagoas projeta uma injeção de R$ 2 bilhões na economia. Além desse montante, a Secretaria de Turismo do Estado espera receber mais de 1 milhão de turistas pelo Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.

A temporada 22/23 já havia alcançado números significativos, mas espera-se superá-la graças à adição de 43 voos extras, conquistados pela Setur-AL em colaboração com os players do setor turístico.

Juntamente com o aumento na demanda, a recente expansão de 70% na capacidade do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, concluída em julho deste ano, veio para aprimorar tanto a operacionalização quanto a infraestrutura, garantindo um atendimento eficiente à crescente demanda.

Clique aqui e se inscreva no canal do BNews no Youtube!

A secretária Bárbara Braga atribui esses excelentes resultados à "vocação turística do Estado". Ela acredita que os atrativos naturais, culturais e históricos foram impulsionados pelo compromisso do Governo do Estado de Alagoas, que iniciou o ano criando a Setur, uma antiga demanda da indústria do turismo.

“Além de, claro, inúmeras ações voltadas à estruturação do destino, com foco em infraestrutura e governança das regiões, oferecemos preparação do cenário fiscal para novos investidores e empreendimentos, transversalidade das ações com as demais pastas do governo, capacitação e qualificação profissional, promoção do destino com a participação em feiras do setor, captação de novos voos, ampliação da duração da temporada de cruzeiros e fortalecimento dos mercados emissores nacionais e internacionais”, declarou Bárbara Braga.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp