BNews Turismo

Itapemirim é condenada pela Justiça a restabelecer plano de saúde de comissários e pilotos

Reprodução / Facebook

Além da Itapemirim, a operadora Amil Assistência Médica terá de restituir os planos de saúde

Publicado em 23/06/2022, às 10h36    Reprodução / Facebook    Redação BNews

O Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) informou que a Justiça do Trabalho ordenou que a Itapemirim Transportes Aéreos e a Amil Assistência Médica restabelecessem os planos de saúde dos tripulantes ativos do grupo e dos demitidos da empresa. A sentença confirma a decisão liminar proferida em mandado de segurança, em março.

A juíza responsável decidiu manter a prestação de serviços ambulatoriais e hospitalares de forma contratual, sendo as empresas responsáveis ​​pelo custeio dos serviços.

Leia também:

Turismo brasileiro cresce 47,7% em abril, aponta FecomercioSP

Parada do Orgulho LGBT+: gasto médio do turista aumentou 15% em 2022

Viva Air inaugura voos de baixo custo entre Colômbia e São Paulo

A sentença também estipula que, caso a Amil comprove sua capacidade de cancelar o serviço, caberá à Itapemirim contratar nova operadora ou restituir os valores gastos pelos aeronautas com despesas médicas no período em que os planos de saúde estiveram suspensos.

A Justiça também determinou multa diária caso a Itapemirim e a Amil não cumpram a decisão. As empresas ainda podem recorrer.

Siga o Tiktok do BNews e fique por dentro das novidades

Classificação Indicativa: Livre