BNews Agro

Produção de beiju gera renda para agricultores da cidade de Jaguaripe

Divulgação

Estão sendo investidos R$726 mil na construção da unidade de beneficiamento

Publicado em 01/12/2021, às 21h25    Divulgação    Redação BNews

A produção de beiju e de outros produtos derivados da mandioca está sendo fonte de renda para 40 famílias de agricultores familiares da zona rural do município de Jaguaripe, a cerca de 800 Km de Salvador. A expectativa é que as famílias alcancem autonomia financeira com a inauguração da unidade de beneficiamento de mandioca, prevista para o primeiro semestre de 2022.

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), estão sendo investidos R$726,2 mil pelo governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva, na Associação dos Produtores Rurais e Agricultores Familiares do Riacho do Miranda, para a construção da unidade de beneficiamento. Os agricultores são atendidos com o serviço de assistência técnica e extensão rural (Ater), da Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE), instituição contratada pelo Bahia Produtiva, para prestar este serviço a famílias atendidas via projeto.

Leia também:Agricultores familiares de Cruz das Almas são beneficiados com máquinas e equipamentos para melhorar produção

De acordo com o presidente da associação, João Ricardo Teixeira Santos, o programa está levando mais perspectiva de um futuro melhor para a comunidade. “Os investimentos já estão dando frutos. Foi realizada uma capacitação com o grupo para confecção de beiju e, muitos que estavam parados retomaram as atividades e a comercialização”.

Os produtos estão sendo comercializados para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na feira livre e no comércio local. Por semana estão sendo produzidos mais de cinco toneladas de produtos como beiju, tapioca e bolacha de goma.

Classificação Indicativa: Livre