Olimpíadas

Militares da Força Nacional são atacados a tiros em favela no Rio

Um dos oficiais, que seria o motorista da viatura, morreu após ser baleado

Publicado em 10/08/2016, às 19h12    Reprodução    Redação Bocão News

Uma equipe da Força Nacional foi atacada a tiros nesta quarta-feira (10) no Conjunto de Favelas da Maré, na Zona Norte do Rio de Janeiro, ao entrar por engano na Vila do João. De acordo com informações da Polícia Civil, um dos militares foi baleado na cabeça e morreu, outro ficou ferido.
O militar que morreu ainda não teve a identidade revelada, seria o motorista do carro da Força Nacional atacado, conforme sugeriu um dos militares envolvidos.
Os três militares vítimas do ataque foram identificados como capitão Alen Marcos Rodrigues Ferreira, que atua em Cruzeiro do Sul, no Acre, o soldado Hélio Andrade, que é de Roraima, e soldado Rafael Pereira, do Piauí.
O soldado Hélio, de Roraima, foi baleado na cabeça e levado ao Hospital Salgado Filho, onde foi submetido a uma cirurgia de emergência. Já o capitão Alen foi atingido de raspão no rosto.
A Polícia Militar e a Secretaria de Estado de Segurança disseram que não vão se pronunciar sobre o ocorrido. O Ministério da Justiça e Cidadania, ao qual a Força Nacional está subordinada, ainda não se manifestou sobre o ataque.
Com informações do G1

Classificação Indicativa: Livre