Cidades

Acusada de matar professor atropelado, mulher passa por audiência de custódia nesta terça-feira

Montagem BNews

A mulher teria matado o professor atropelado após dirigir embriagada na cidade de Caculé

Publicado em 28/06/2022, às 06h53    Montagem BNews    Redação BNews

A professora que atropelou e matou o colega de trabalho, Wilike Fernandes Moreira, na madrugada do último domingo (26), após dirigir embriagada, no município de Caculé, no sudoeste baiano, vai passar por audiência de custódia, nesta terça-feira (28). Atualmente, a suspeita encontra-se presa em flagrante.

Vale lembrar que câmeras de segurança registraram todo o ocorrido.

Na ocasião, o também professor, Wilike Fernandes, aparece parado em frente a uma residência após voltar de uma festa de São João quando é atingido pelo veículo desgovernado, na Avenida Joaquim Antônio.

Leia também:

Momentos antes do acidente, um homem passa correndo ao lado da vítima. A alguns metros dali casais caminham no meio da via — um deles se assusta com a aproximação do carro.

Além disso, antes de bater na vítima, o carro colide em um outro veículo e, em seguida, avança em direção à calçada. As pessoas que estavam próximas se desesperam ao ver a cena. Uma segunda pessoa também foi atingida, mas sobreviveu ao acidente.

Siga o TikTok do BNews e fique por dentro das novidades

Classificação Indicativa: Livre