Copa do Mundo

Tragédia em Santa Maria não assusta a Copa, diz Valcke

Uol

Secretário-geral da Fifa diz que estádios não têm problema com fugas

Publicado em 28/01/2013, às 23h41    Uol    Redação Bocão News (twitter: @bocaonews)

O secretário-geral da Fifa, Jerôme Valcke, se solidarizou com as famílias das vítimas da tragédia da cidade gaúcha de Santa Maria e disse que, apesar do que aconteceu, problemas de estrutura relacionados a segurança não preocupam a entidade na Copa do Mundo de 2014. Segundo ele, o acidente que matou 231 pessoas no domingo "não tem nada a ver com a segurança dos estádios".
"Nossos pensamentos estão com as famílias das vítimas desta tragédia. No entanto, não tem nada a ver com a segurança dos estádios durante a Copa das Confederações da Fifa e a Copa do Mundo", disse o secretário. Ele atestou que os estádios brasileiros têm um sistema emergencial montado e que é capaz de esvaziar toda uma arena com dezenas de milhares de pessoas em oito minutos.
Valcke disse também que, além do plano, existem pessoas treinadas na estrutura da Fifa e que podem executar planos imediatamente, o que leva a entidade a relaxar diante da possibilidade de eventos de crise dentro dos estádios. "O que aconteceu não pode ser comparado à organização do plano de segurança da Copa do Mundo da Fifa. Temos plena confiança no Comitê de Organização Local (COL) e nas autoridades", insistiu.

Classificação Indicativa: Livre