Coronavírus

Mais de 20 estabelecimentos são notificados por usarem som para aglomerar pessoas em Salvador

Divulgação

Ação da Semop faz parte do combate às aglomerações por conta da pandemia de Coronavírus . 

Publicado em 18/03/2020, às 11h14    Divulgação    Redação BNews

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) de Salvador intensificou a fiscalização do uso de som em bares, eventos e templos religiosos e notificou 28 estabelecimentos nesta terça-feira (17). A ação faz parte do combate às aglomerações por conta da pandemia de Coronavírus . 

De acordo com a Semop,  foi suspenso o efeito dos alvarás de autorização para atividade sonora que foram entregues antes dos decretos municipal e estadual que proíbem aglomerações. O órgão está recebendo por meio da ouvidoria 156 todas as denúncias de eventos e uso do som que possam ser chamariz de pessoas.

Segundo o secretário Felipe Lucas, a Subcoordenadoria de Combate à Poluição Sonora da Semop continuará a fiscalização nos próximos dias. “Sabemos que o som chama o público para esses estabelecimentos e sendo esse um momento de extrema cautela, em que as pessoas precisam ficar em casa, nós vamos intensificar a fiscalização. Atuaremos diuturnamente para que não exista aglomeração de pessoas e sejam cumpridas as determinações para o bem-estar da população”, afirmou o gestor.

Classificação Indicativa: Livre