Coronavírus

Mulher com Covid-19 acorda no dia em que seus aparelhos seriam desligados

Reprodução

O filho da idosa estava fazendo os preparativos para seu funeral quando recebeu uma ligação do hospital informando que ela havia acordado

Publicado em 20/11/2021, às 11h25    Reprodução    Redação BNews

Uma idosa de 69 anos, identificada como Bettina Lerman, que estava internada há mais de um mês por conta da Covid-19 em um hospital em Portland, nos Estados Unidos, acordou no dia em que sua família decidiu que seus aparelhos poderiam ser desligados. As informações são do jornal Washington Post.

De acordo com a publicação, o filho da idosa, Andrew Lerman, estava fazendo os preparativos para seu funeral quando recebeu uma ligação do hospital informando que ela havia acordado. Até mesmo o caixão, a lápide e um arranjo de flores já havia sido comprado.

Bettina havia sido desenganada pelos médicos, que afirmaram que ela não acordaria mais, e sua família decidiu por desligar os aparelhos  que a mantinham viva.

Atualmente, Bettina continua em estado delicado, porém consciente. 

Classificação Indicativa: Livre