Coronavírus

Reino Unido confirma primeira morte do planeta por variante ômicron da Covid-19

Faculdade de Medicina da Universidade de Hong Kong

Neste domingo (12), 1.239 novos casos da ômicron foram confirmados no país

Publicado em 13/12/2021, às 09h24    Faculdade de Medicina da Universidade de Hong Kong    Redação BNews

O Reino Unido registrou a primeira morte provocada pela Covid-19 ligada à variante ômicron do coronavírus. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (13) pelo primeiro-ministro Boris Johnson. Este é o primeiro caso conhecido de morte pela ômicron no mundo.

“Infelizmente a ômicron está gerando hospitalizações e, tristemente, pelo menos um paciente morreu com ômicron, confirmado”, disse ele em uma visita a uma clínica de vacinação em Londres.

Neste domingo (12), 1.239 novos casos da ômicron foram confirmados no país, elevando o total detectado para 3.137 – 65% a mais que os 1.898 acumulados até o dia anterior. 

Identificada pela primeira vez na África do Sul, a nova variante logo chamou a atenção da Organização Mundial da Saúde (OMS), que a considerou um risco muito elevado. A entidade vem destacando, também, que são muitas as incógnitas sobre essa cepa, especialmente acerca do perigo real que representa.

De acordo com a Agência CNN, o Brasil tem ao menos 11 casos da variante Ômicron do coronavírus. Além de São Paulo, o Distrito Federal e o Rio Grande do Sul confirmaram dois casos cada.

Também segundo a Agência CNN, 60 países já registram infecções com a nova variante.

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre