Justiça

John John é autuada por proibir clientes de usarem provadores

Agentes também flagraram peças da loja do Shopping Barra sem preço

Publicado em 24/01/2013, às 06h56        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

A loja John John do Shopping Barra foi autuada por fiscais do Procon-BA, órgão ligado à Secretaria da Justiça Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH). O motivo é que o estabelecimento estava proibindo que os clientes que comprassem roupas, em promoção, utilizassem o provador.
A denúncia partiu de um consumidor que se sentiu lesado com a prática. “Os fiscais do órgão constataram pessoas provando as peças no meio da loja, em situações constrangedoras”, destacou a superintendente do órgão Gracieli Leal. Outra infração identificada foi a falta de preço em alguns produtos comercializados no estabelecimento.
A loja tem um prazo de 10 dias, a partir da data da autuação, para apresentar defesa ao órgão. A fiscalização ocorreu no último dia 17.

Publicada no dia 23 de janeiro de 2013, às 14h23

Classificação Indicativa: Livre