Economia e Mercado

Aumento de salário mínimo gera impacto de R$ 234 mi em prefeituras

Imagem Aumento de salário mínimo gera impacto de R$ 234 mi em prefeituras

Gasto tornará ainda mais complicado o cenário de dificuldade financeira dos municípios baianos

Publicado em 15/01/2013, às 08h12        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Um levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios revelou que o impacto total na prefeitura, por conta do aumento do salário mínimo, é de R$ 234,8 milhões.

Os 9% de reajuste está em vigor desde 1º de janeiro de 2013 e foi fixado em R$ 678, o que equivale a um aumento de R$ 56. O gasto extra tornará ainda mais complicado o cenário de dificuldade financeira de grande parte dos municípios baianos. De acordo com dados do Ministério do Trabalho, a Bahia possui cerca de 416 mil servidores espalhados pelas 417 prefeituras. Deste total, cerca de 54% ganham até um salário mínimo e meio. Ou seja, terão seus salários reajustados automaticamente por conta do aumento linear do mínimo, definido pelo governo federal.

A situação é resultado do descompasso entre o aumento de gastos com pessoal e as recentes frustrações da receita, sobretudo do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).


*As informações são do jornal A Tarde

Classificação Indicativa: Livre