Eleições

Serra afirma que vai ter maioria

Imagem Serra afirma que vai ter maioria

Além disso, candidato tucano reproduz denúncia da revista Veja

Publicado em 11/10/2010, às 20h00        Redação Bocão News

Enquanto a candidata petista, Dilma Rousseff, visitou a basílica de Nossa Senhora Aparecida em São Paulo, seu adversário tucano, José Serra, fez campanha em Goiânia. No entanto, o foco do ex-governador de São Paulo continuou nas denúncias contra a ex-ministra.

A coordenação de campanha do candidato divulgou nota em que reforça as acusações veiculadas na revista da Editora Abril, Veja. A reportagem da semana, “mostra que Gu Zhou-Ji, o filho do acupunturista de Dilma, foi contratado em outubro do ano passado para trabalhar na Casa Civil.

Nomeado como “assessor técnico”, Gu Zhou-Ji recebe R$ 4.000 por mês para atender servidores da pasta”, escreveram os assessores de Serra.
Ainda segundo eles, os Gu Zhou-Ji não cumpre horário de expediente e tem pacientes particulares, e sua única obrigação como assessor é atender a candidata quando ela chega das viagens de campanha.

Para além, Serra afirmou nesta segunda-feira, que se eleito vai ter apoio da maioria tanto na Câmara Federal quanto no Senado, contudo, o tucano não explicou como é que será constituída tal maioria, já que o desempenho de sua legenda somado aos dos partidos aliados foi inferior aos de seus adversários.

Classificação Indicativa: Livre