Entretenimento

Nego do Borel diz que vai provar a 'honestidade' dos R$ 470 mil apreendidos pela polícia em sua casa

Reprodução / Instagram

A quantia foi encontrada durante buscas na casa do cantor, no Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro

Publicado em 29/01/2021, às 09h41    Reprodução / Instagram    Redação BNews

Nesta quinta-feira (28), dois endereços ligados a Nego do Borel, sendo um em São Paulo e um no Rio de Janeiro, foram alvos de buscas da Polícia Civil. A ação foi provocada pelas denúncias da sua ex-noiva Duda Reis, de que ele teria R$ 2 milhões em casa, um fuzil e conteúdos íntimos dela, e que estaria ameaçando divulgar após separação.

Após a operação, no imóvel no Recreio dos Bandeirantes, no Rio, a polícia encontrou R$ 470 mil em espécie, que estava guardado em um cofre. Além disso, os policiais apreenderam o passaporte do cantor, celulares e um computador para investigar a veracidade das denúncias feitas contra ele.

Apesar da grande quantia, Nego do Borel afirma que o dinheiro é totalmente legal. “Sempre sonhei com a minha carreira e acreditava o quanto o funk poderia mudar a minha vida e da minha família. Trabalhei muito duro para isso, sempre de forma honesta. Cresci em uma comunidade e vi alguns amigos se perdendo para o crime. Minha mãe sempre me falou, e eu também sempre soube, que esse era um caminho sem volta. E foi algo que não queria para minha vida. Por isso, batalhei e tudo que tenho hoje conquistei de forma legal, assim como o dinheiro que encontraram na minha casa”, disse Borel ao colunista Leo Dias, do site Metrópoles.

“Estou muito tranquilo quanto a isso, porque eu e minha equipe já estamos resolvendo e comprovando para a polícia a honestidade desse dinheiro. Estou em São Paulo por questões de trabalho, mas disponível para as autoridades. Em breve, tudo vai ser resolvido”, afirmou.

Classificação Indicativa: Livre