Entretenimento

Outro bloco tradicional do Carnaval de Salvador cancela desfile em 2022

Reprodução / Instagram

A agremiação justifica que não há mais tempo hábil para adotar medidas necessárias para a festa

Publicado em 03/12/2021, às 13h04    Reprodução / Instagram    Redação

A incerteza sobre a realização do Carnaval de Salvador em 2022 tem motivado alguns blocos a cancelarem os desfiles na folia do próximo ano, mesmo caso seja liberada pelas autoridades. Depois do bloco Voa Voa, comandado pela banda Chiclete com Banana, agora foi a vez de outra agremiação tomar a mesma decisão.

O bloco Eva, puxando pela banda Eva, e que completa 40 anos, divulgou nesta sexta-feira (3), que não fará parte da festa. "Estamos aqui, nesta sexta-feira, para comunicar uma decisão difícil, porém necessária, que tomamos. Por não termos mais tempo hábil para a adoção das medidas e procedimentos que garantem a entrega dos melhores serviços e produtos, como fazemos há 40 anos, infelizmente, o Bloco Eva não irá mais desfilar no Carnaval de Salvador 2022", publicou o perfil oficial em um vídeo da música “100% Carnaval”, interpretada pelo vocalista Felipe Pezzoni.

Leia também
Daniela Mercury lança música e anuncia que não fará festas de rua e abertas ao público no Carnaval 2022
Flora Gil bate o martelo e camarote Expresso 2222 está fora do Carnaval de Salvador 2022
Camarotes de Salvador já têm novo local para o carnaval 2022; confira

Conforme o comunicado, os foliões que já compraram os abadás podem optar pela devolução dos valores pagos ou troca pelos abadás de 2023. "Esperamos que ela possa aquecer, encher de esperança e alegria os nossos corações, e deixar a certeza de que iremos trabalhar com muito mais amor, dedicação e respeito para fazer o Bloco Eva 2023 inesquecível. *Todos aqueles que adquiriram os acessos 2022 deverão procurar o seu respectivo canal de vendas para receber o ressarcimento integral do valor pago ou, se preferir, trocar pelo acesso ao Carnaval 2023".

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre