Esporte

Romário não acredita em título na Copa e chama Marin de “ladrão”

Imagem Romário não acredita em título na Copa e chama Marin de “ladrão”

Polêmico, ex-jogador soltou os cachorros e provoca polêmica

Publicado em 04/06/2013, às 07h42        Redação Bocão News (Twitter:@bocaonews)

Protagonista do tetracampeonato de 1994, o ex-atacante Romário, atual deputado federal, descartou a possibilidade de ver a Seleção conquistar a Copa das Confederações 2013 e o Mundial de 2014. Em entrevista à Revista Marie Claire, ele ainda criticou José Maria Marin, presidente da CBF.
"Se a Copa fosse hoje, o Brasil não ganharia. A Copa das Confederações, também acho que não temos condições de ganhar. O que o Brasil joga hoje está muito distante do que precisa para ser campeão mundial”, declarou o jogador.
Como deputado federal, Romário tem combatido intensamente José Maria Marin, sucessor de Ricardo Teixeira na presidência da CBF. Como de costume, o antigo centroavante da Seleção Brasileira criticou asperamente o dirigente, que também comanda o Comitê Organizador Local (COL) da Copa de 2014.
“É um ladrão! Ladrão não é só quem rouba banco, não. Esse cara não tem postura para ser presidente da CBF”, disparou Romário. O ex-jogador ainda lembrou a ligação de Marin com o governo militar e recordou que o dirigente embolsou uma medalha durante a premiação da Copa São Paulo-2012.

Classificação Indicativa: Livre