Geral

Chuvas na Região Serrana do Rio de Janeiro deixam, ao menos, 24 pessoas mortas

Reprodução/Redes Sociais

Prefeitura de Petrópolis decretou estado de calamidade pública. Governo do Rio envia 60 militares, 10 aeronaves e oito ambulâncias para região

Publicado em 15/02/2022, às 22h54 - Atualizado em 16/02/2022, às 06h21    Reprodução/Redes Sociais    Redação BNews

As fortes chuvas que caíram na noite desta terça-feira (15), na cidade de Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, deixaram ao menos 24 mortos, segundo o comando do Corpo de Bombeiros. De acordo com a Defesa Civil do Estado, os corpos foram encontrados depois que o nível da água desceu. No Alto da Serra, um deslizamento de terra atingiu a Escola Municipal Vereador José Fernandes da Silva e os alunos precisaram ser foram encaminhados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro.

A Prefeitura decretou estado de calamidade pública. Já são 95 ocorrências por causa da chuva, sendo 80 por deslizamento e 11 alagamentos, principalmente nos bairros de Quitandinha, Alto da Serra, Castelânea, Centro, Coronel Veiga, Duarte da Silveira, Floresta, Caxambu e Chácara Flora.


Ainda de acordo com a Defesa Civil, “trechos antes inundados ou alagados por conta do volume elevado de chuva, que chegou a 260 milímetros em seis horas, começam a ser liberados, facilitando o acesso do socorro por parte dos órgãos competentes, como Defesa Civil e Corpo de Bombeiros". 60 militares, 10 aeronaves e oito ambulâncias devem chegar a região afetada no início da manhã desta quarta-feira (16).

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre