Geral

Homem separa de padre após orgias e exige pensão

Reprodução / Redes Sociais
Homem separa de padre e relacionamento causa alvoroço nas redes sociais  |   Bnews - Divulgação Reprodução / Redes Sociais
Natane Ramos

por Natane Ramos

Publicado em 11/06/2024, às 17h09



Um caso, um tanto inusitado, chocou os internautas nesta terça-feira (11), após o estudante de biomedicina, Fernando dos Santos, de 25 anos, entrar na Justiça exigindo um salário mínimo após se separar do padre Samuel Carcalho, de 32 anos, com quem estava em um relacionamento de um ano.

O relacionamento do religioso com o estudante foi exposto nas redes sociais através de prints, e no último sábado (8), Fernando solicitou a pensão na Vara Cível da Comarca de Marechal Deodoro, do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL).

Ainda segundo o relato do jovem, o casal teria se conhecido através do aplicativo "Grindr" durante uma viagem que o padre realizou para Maceió, capital de Alagoas.

Na ação obtida pelo portal Metrópoles, Fernanda declarou que o motivo do término seria por cauda de "propostas de fetiches desejadas apenas por Samuel" e que o padre estava "planejando aventuras sexuais" sem o desejo do estudante.

Em prints compartilhados por Fernando, o estudante ameaçou contar sobre or relacionamentos homoafetivos do padre, pedindo dinheiro em troca do seu silêncio.

ft

Após toda a polêmica, Samuel foi fastado das suas funções como padre após a decisão do Bispo Diocesano de São João del-Rei, Dom José Eudes Campos do Nascimento.

"O afastamento se deu pela divulgação de material, veiculado nas mídias digitais, com conteúdo de denúncia em desfavor do referido sacerdote. Esse procedimento, apesar de muito doloroso, é necessário para que se possa alcançar o profundo e coerente discernimento diante das implicações práticas devidas às normas do Direito Canônico", dizia o comunicado da igreja.

ft

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp