Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Justiça

Desembargador aposentado Rubem Dario Peregrino Cunha e filho são absolvidos em processo por corrupção

[Desembargador aposentado Rubem Dario Peregrino Cunha e filho são absolvidos em processo por corrupção]
31 de Maio de 2019 às 09:58 Por: Vagner Souza/BNews Por: Redação BNews

O desembargador aposentado Rubem Dario Peregrino Cunha e seu filho, Niza Gomes Cunha Neto, foram absolvidos por falta de provas em um processo sobre recebimento de propina e contratação de uma pessoa indicada por eles em troca de benefícios em uma ação contra o prefeito de São Francisco do Conde. A decisão saiu 10 anos após a denúncia do Ministério Público. 

"O próprio MP entendeu pela ausência de comprovação do delito sob julgamento, sendo certo ainda que, a despeito do art. 385, do CPP, entendo que o julgador jamais pode condenar o acusado se houver pedido expresso de absolvição feito pelo órgão ministerial", disse o juiz Icaro Almeida Matos na decisão, que o BNews teve acesso.

De acordo com a acusação, Nizan intermediava as negociações em nome do pai, solicitando pagamento de vantagem indevida de R$ 400 mill, além da nomeação de sua namorada em função comissionada na Prefeitura de São Francisco do Conde. A contraprestação seria protelar o andamento de um processo contra o prefeito até o final de maio de 2007.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso