Meio Ambiente

Enseada Indústria Naval já pode iniciar atividades

Foto: Divulgação/Enseada

Publicado em 13/10/2014, às 21h51    Foto: Divulgação/Enseada    Redação Bocão News (@bocaonews)

O Enseada Indústria Naval, localizado no município de Maragogipe, no Recôncavo baiano, recebeu a Licença de Operação (LO) concedida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), na última sexta-feira (10). O empreendimento é fruto do planejamento dos governos federal e estadual para a exploração do pré-sal, através de recursos da iniciativa privada e, a partir de agora, já pode iniciar a operação da sua primeira atividade, a construção de navios-sonda para a Petrobras.
Além dos navios, o Enseada atua na construção de plataformas e também realiza manutenção, reparos e consertos, sobretudo nos municípios de Maragogipe, Saubara, Salinas da Margarida, São Félix e Cachoeira. Na operação, o empreendimento vai gerar 4,5 mil empregos diretos. A obra do contou com um investimento orçado em R$ 2,6 bilhões.
Para o coordenador executivo de Infraestrutura e Logística da Casa Civil da Bahia, Eracy Lafuente, este é um projeto de grande importância para a economia da Bahia e do Brasil. “A operação inicial traz um impacto positivo no âmbito econômico e a construção de navios-sonda contribui significativamente para a política de desenvolvimento da camada do pré-sal no país, pondo a Bahia em destaque no cenário nacional da indústria naval”, explica.

Classificação Indicativa: Livre