Mundo

Homem atira e mata 10 pessoas negras em supemercado nos EUA

Reprodução/The Buffalo News

A polícia investiga que o crime cometido em um supemercado nos EUA é de ódio

Publicado em 14/05/2022, às 20h45    Reprodução/The Buffalo News    Redação BNews

Um rapaz de 18 anos atirou contra 13 pessoas em um supermercado neste sábado (14), em Buffalo, Nova York, nos Estados Unidos. 10 pessoas morreram e outras três ficaram feridas.

Entre todos os alvos, 10 eram negros. As autoridades agora trabalham na possibilidade do crime ser motivado por questão racial, já que o atirador escreveu uma carta se autodeclarando um supremacista branco. 

O rapaz se entregou à polícia após o crime e a arma, um rifle, foi apreendido. De acordo com o jornal local The Buffalo News, ele estava vestido com um colete à prova de balas.

Leia também:

De acordo com o prefeito de Buffalo, Byron Brown, o atirador não era da cidade e viajou horas até chegar ao bairro onde os moradores são predominantemente negros.

A governadora do estado de Nova York, Kathy Hochul, disse em uma publicação no Twitter que está monitorando o ocorrido. “Oferecemos assistência às autoridades locais. Se você estiver em Buffalo, evite a área e siga as orientações das autoridades policiais e locais”, escreveu.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre